NOTÍCIAS
NOTÍCIAS SOBRE O MERCADO IMOBILIÁRIO SEMPRE ATUALIZADAS
NOTÍCIAS
Voltar \ QUEDAS NO MERCADO IMOBILIÁRIO? DESENGANE-SE!

QUEDAS NO MERCADO IMOBILIÁRIO? DESENGANE-SE!

05 jun 2020
QUEDAS NO MERCADO IMOBILIÁRIO? DESENGANE-SE!
A saúde aqui reina e veio para ficar…

"Portugal continua a ser um destino de excelência"

Apesar da paralisação da crise no primeiro trimestre deste ano, motivada pela pandemia covid 19, os mediadores viram o seu trabalho obrigado ao confinamento; esta situação fez abrandar a economia em todas as atividades; contudo, as previsões para o futuro são promissoras. Segundo o Webinar, organizado pela Ordem dos Engenheiros, Manuel Reis Campos, que lidera a AICCOPN (Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas) e a CPCI Confederação Portuguesa da Construção e do Imobiliário, existem cidadão de várias nacionalidades que pretendem investir em Portugal.

Recorde-se que os concursos de obras públicas promovidos em 2019 totalizaram 3.992 milhões de euros, refletindo um aumento de 50% face a 2018, sendo este o maior aumento homólogo desde 2011, segundo indicam dados divulgados pela AICCOPN em janeiro.

As obras de construção e reabilitação de edifícios habitacionais licenciadas pelas câmaras municipais no ano passado “registaram uma variação de 9,4%, face ao ano precedente, para 16.461, com o número de fogos licenciados em construções novas a totalizar 23.737, em resultado de um crescimento homólogo de 17,2%”, indicou a entidade, em fevereiro.

Durante o confinamento, as infraestruturas não pararam, “tal como a manutenção de edifícios, redes de águas, saneamento, comunicação e eletricidade”; a necessidade de mão-de-obra no setor é uma realidade que pode ajudar a absorver algum desemprego, neste momento a constrição está numa situação privilegiada para admitir trabalhadores.

Veja Também